Saúde

Empoderamento do Paciente

Há alguns anos, um paciente só seria diagnosticado com diabetes, após uma consulta médica e alguns exames laboratoriais. Atualmente, com tantas informações online e principalmente com os testes vendidos em farmácias, esse mesmo paciente já pode visitar o seu médico ciente de seu diagnóstico e com muitas informações acerca do tratamento.

O empoderamento do paciente é, entre outras coisas, alguém responsável por sua própria saúde. Uma mudança na hierarquia médico-paciente e um sistema de saúde focado no paciente e não no próprio sistema.

A tecnologia tende a aprimorar esse conceito. De acordo com a Pew Internet Reserach, 72% dos usuários da internet procuraram alguma informação online acerca da saúde no último ano. O engajamento dos pacientes é cada vez maior com ferramentas digitais e monitorização remota, por exemplo, a partir dos wearables. Esses dispositivos têm provido empresas de grande quantidade de dados, permitindo decisões mais acertadas em relação a uma medida de prevenção ou tratamento.

Os tradicionais ensaios clínicos randomizados, onde alocamos aleatoriamente pacientes para receber, sem conhecimento, um novo tratamento ou uma droga placebo, poderiam ser substituídos por um grande número de dados acerca do mesmo tratamento. Eliminaríamos os inconvenientes relacionados ao custo de estudos como esses e os problemas de um número progressivamente menor de pacientes em cada um desses estudos.

Tudo isso sem falar da telemedicina. Bastante difundida nos Estados Unidos e ainda obedecendo uma regulamentação de 15 anos atrás no Brasil. Levar consultas médicas e de outros profissionais de saúde aonde o paciente precisa. O acesso a especialistas em qualquer lugar, independe da distância física, para uma consulta especializada ou uma segunda opinião.

Muito precisamos avançar. A tecnologia é nossa aliada, não somente trazendo inovações em termos de medicamentos e dispositivos médicos, mas também tornando o paciente parte ativa desse processo, cada vez mais participativo nas decisões relacionadas a sua saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *